Inovação para a Agricultura

FacebookTwitterGoogle BookmarksRSS Feed
PT EN
  • S6
  • Inovação na Agricultura
  • S11
  • S12
  • S5
  • S3
  • S14
  • S13
  • S7
  • S2
  • S8

GMOVEL – Controlo de infestantes com Galinhas na linha de Vinha, Pomares e entrelinhas das culturas hortícolas e produção de ovos e carne

Entidade líder do projeto: BIOPROTEC - ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ENGENHEIROS DE AGRICULTURA BIOLÓGICA
Responsável pelo projeto: BIOPROTEC Biológica
Área do plano de ação: Avicultura
Parceiros:

AGROBIO - ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE AGRICULTURA BIOLÓGICA; ANTÓNIO DE SAMPAIO PAIVA MARQUES DA CRUZ , UNIPESSOAL, LDA; INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA; LUÍS MANUEL GONÇALVES DE SOUSA; MARIA DE FÁTIMA PRAÇA TORRES; QUINTA DO MONTALTO II AGROINDÚSTRIA, LDA; QUINTA DO MONTALTO, LDA;


Prioridade do FEADER: P3A) aumento da competitividade dos produtores primários mediante a sua melhor integração na cadeia agroalimentar através de regimes de qualidade, do acrescento de valor aos produtos agrícolas, da promoção em mercados locais e circuitos de abastecimento curtos, dos agrupamentos e organizações de produtores e das organizações interprofissionais;
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

Existe um problema, uma dificuldade fundamental para os agricultores que pretendem fazer a conversão para a agricultura biológica: O controlo de infestantes nas linhas de cultura das vinhas e pomares e nas entrelinhas das hortícolas. Este problema é o principal obstáculo apontado à conversão para a agricultura, uma vez que não é possível aplicar herbicidas de síntese e o controlo mecânico nem sempre á fácil de executar e obriga à posterior amontoa. Já são muitos os agricultores convencionais que aplicam o herbicida apenas nas linhas da vinha e dos pomares, cortando mecanicamente as infestantes nas entrelinhas, no entanto não conseguem evitar a aplicação do herbicida nas linhas. As galinhas autóctones, muito rústicas, em pastagem confinada em estruturas desenhadas e concebidas especialmente para este efeito e que permitem o controlo das infestantes e impedem o acesso às culturas, é uma solução inovadora que constitui um bom contributo para que mais agricultores possam aderir à Produção Biológica. Deste modo poderemos resolver o problema do controlo das infestantes e ter ainda rendimentos adicionais: a incorporação de Matéria orgânica, a produção de ovos e a produção de carne biológica.

Este problema é o principal obstáculo apontado à conversão para a agricultura, uma vez que não é possível aplicar herbicidas de síntese e o controlo mecânico nem sempre á fácil de executar e obriga à posterior amontoa. Já são muitos os agricultores convencionais que aplicam o herbicida apenas nas linhas da vinha e dos pomares, cortando mecanicamente as infestantes nas entrelinhas, no entanto não conseguem evitar a aplicação do herbicida nas linhas. As galinhas autóctones, muito rústicas, em pastagem confinada em estruturas desenhadas e concebidas especialmente para este efeito e que permitem o controlo das infestantes e impedem o acesso às culturas, é uma solução inovadora que constitui um bom contributo para que mais agricultores possam aderir à Produção Biológica. Deste modo poderemos resolver o problema do controlo das infestantes e ter ainda rendimentos adicionais: a incorporação de Matéria orgânica, a produção de ovos e a produção de carne biológica.


Objetivos visados:

Com esta iniciativa visamos resolver a grande dificuldade existente atualmente no controlo das infestantes nas linhas de cultura da vinha e dos pomares e também nas entrelinhas das hortas em Agricultura Biológica sem o recurso a herbicidas ou mobilizações do terreno. Pretendemos substituir a aplicação de herbicidas pela pastagem de galinhas. Com este método vamos melhorar a rentabilidade das explorações através da incorporação de matéria orgânica, da produção de ovos e de carne.


Sumário do plano de ação:

Substituir os herbicidas e as mobilizações localizadas no controlo de infestantes por galinhas autóctones confinadas em parques móveis, que não permitem a destruição das culturas, e obter adicionalmente uma produção de ovos e de carne a baixo custo.


Pontos de situação / Resultados:

Em início de atividade.