Inovação para a Agricultura

FacebookTwitterGoogle BookmarksRSS Feed
PT EN
  • S7
  • Inovação na Agricultura
  • S5
  • S14
  • S8
  • S13
  • S3
  • S12
  • S11
  • S6
  • S2

Projetos Rede Rural Nacional

Pesquisar projectos

milkEE - Promoção da utilização eficiente de recursos e bioeconomia das explorações leiteiras

Entidade líder do projeto: CONFAGRI - CONFEDERAÇÃO NACIONAL DAS COOPERATIVAS AGRÍCOLAS E DO CRÉDITO AGRÍCOLA DE PORTUGAL
Responsável pelo projeto: Domingos Godinho
Site do projeto: https://www.confagri.pt/temas/milkee/
Parceiros:

ISQ - Instituto de Soldadura e Qualidade; UTAD - Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro; AGROS - União de Cooperativas de Produtores de Leite; Lacticoop - União de Cooperativas de entre Douro e Mondego; PROLEITE - Cooperativa Agricola de Produtores de Leite

Breve descrição:

Os produtores de leite e respetivas cooperativas, tal como a maioria das empresas que estão no mercado, sentem a pressão constante para se manterem competitivas, reduzindo os seus custos. Estando muitas vezes a discussão concentrada na perspetiva do preço pago por litro de leite, a perspetiva do projeto Milkee  é de focar na questão do custo de produção, que é algo em que o produtor pode actuar diariamente, ao contrário do que acontece com o preço. O projecto pretende focar principalmente nos custos relacionados com o consumo de energia e de água na exploração. Ultrapassar esta barreira inicial será fundamental, e deverá ser realizada através da caracterização dos sistemas relacionados com os consumos de energia e de água de forma a mostrar claramente aos produtores o peso que tem o consumo destes recursos nos seus custos, para depois sensibilizar e formar relativamente a ações a adotar para a sua redução.  O projecto irá ainda analisar a valorização de efluentes pecuários das explorações leiteiras em áreas florestais. A escassez de recursos, o abastecimento instável de matérias-primas e a degradação do ambiente com repercussões nas alterações climáticas e a perda de valor dos produtos têm colocado em evidência os limites do atual modelo económico. Neste contexto, o modelo de Economia Circular (EC), abrangendo os princípios da bioeconomia, tem ocupado um espaço crescente nas políticas europeias e nacionais sendo encarado com um meio alternativo de prosseguir o caminho de prosperidade, reduzindo ao mesmo tempo o consumo e dependência de materiais primários, energia e água. No âmbito do projecto serão desenvolvidas várias iniciativas, nomeadamente auditorias energéticas e de uso de água em explorações que se pretende sejam representativas do conjunto das explorações leiteiras, sendo posteriormente desenvolvidas recomendações que serão divulgadas por técnicos e agricultores para melhoria da eficiência. O projecto prevê ainda o desenvolvimento de uma ferramenta de autodiagnóstico da eficiência energética e hídrica das explorações, podendo esta ser utilizada por qualquer produtor de leite ou por quem o apoie tecnicamente. Esta aplicação produzirá recomendações adaptadas a cada exploração em concreto, e permitirá a realização de um a análise de benchmarking comparando a exploração em análise com valores médios das restantes explorações. Além disso será avaliado o uso que é feito dos efluentes bovinos nas áreas florestais complementares das explorações leiteiras, sendo também produzidas recomendações para melhorar e incrementar o uso destes subprodutos na fertilização das áreas florestais, estando previstas a realização de 2 acções práticas de demonstração de aplicação de efluentes em áreas florestais. Os resultados do projecto serão disseminados nos canais de comunicação dos membros do consórcio, e em eventos especialmente organizados para o efeito.

Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

Eficiência energética e hídrica em explorações leiteiras. Gestão de efluentes das explorações e valorização agrícola e florestal.

Objetivos visados:

O presente projeto tem como objetivo geral mobilizar as explorações leiteiras para a adoção de um modelo económico mais sustentável, com base na utilização eficiente de recursos ( agua e energia) e a promoção da bioeconomia através da valorização de subprodutos, procurando estabelecer as para a realização de projetos setoriais de dimensão acrescida, promovendo a economia circular.

Sumário do plano de ação:

O plano de ação visou atingir os seguintes objetivos específicos:

  1. Criar e desenvolver conhecimento para este setor específico no domínio da utilização eficiente de recursos através da realização de um diagnóstico atual no setor leiteiro.
  2. Tipificar boas práticas para a utilização de efluentes de bovinicultura leiteira na floresta promovendo a bioeconomia do setor através da valorização de resíduos e desperdícios.
  3. Criação de ferramenta de apoio e criação de benchmarks, acessível a todos as explorações leiteiras e que permita um diagnóstico da sua situação atual face às temáticas do projeto e comparação da sua performance com outros produtores similares.
  4. Capitalizar informação de projetos e transferir boas práticas na utilização eficiente de recursos e valorização de subprodutos, para o setor do leite e setor florestal.
  5. Criação de dossier de boas práticas de referência para a utilização eficiente de recursos e promoção da bioeconomia das explorações leiteiras.
  6. Sensibilizar os produtores de leite e as cooperativas demonstrando os benefícios da bioeconomia e da utilização eficiente de recursos para o aumento da competitividade do setor.
Pontos de situação / Resultados:
  • Depois de selecionadas de acordo com critérios definidos no projeto foram feitas auditorias energéticas, hídricas e à gestão e valorização que é feita dos efluentes a 3 explorações leiteiras.
  • Foi feito o balanço das áreas disponíveis para a valorização agrícola do efluente das explorações leiteiras por concelho na bacia leiteira.
  • Foi produzido um manual de boas práticas para a Manual de boas práticas para a utilização eficiente de energia, agua e valorização agrícola de efluentes (https://www.confagri.pt/content/uploads/2019/12/Manual_Boas_Praticas_Milkee.pdf) e a aplicação milkee de autodiagnóstico para explorações leiteiras que pode ser utilizada por produtores ou por técnicos (http://www.milkee.pt/).
  • Foram produzidos folhetos de divulgação de resultados de projeto:  

- (https://www.confagri.pt/content/uploads/2019/09/MillkEE_desdobravel_ferramenta_diagnostico.pdf); 

- (https://www.confagri.pt/content/uploads/2019/09/MilkEE_desdobravel_eficiencia_hidrica.pdf);

- (https://www.confagri.pt/content/uploads/2019/09/MilkEE_desdobravel_eficiencia_energetica.pdf ).

  • Foram realizadas 2 sessões para técnicos que apoiam as explorações leiteiras e 3 sessões para produtores de leite.
  • Não foi possível por razões meteorológicas durante o período de valorização do efluente ter feito os 2 workshops de demonstração de aplicação do efluente em floresta, no entanto este foram programados, mas tiveram de ser cancelados.
  • O projeto  foi considerado COGECA (european ago-cooperatives) como um exemplo de como as cooperativas contribuem para  os objetivos de desenvolvimento sustentável propostos pela ONU (ODS), na publicação “seventeen reasons to coop”, estando disponível online (https://17reasons2coop.eu/) e impressa em papel.