Inovação para a Agricultura

FacebookTwitterGoogle BookmarksRSS Feed
PT EN
  • S10
  • S2
  • S11
  • S8
  • S13
  • S7
  • S12
  • S3
  • S5
  • S14
  • S6

Projetos Alterações Climáticas - RIAAC-AGRI (PDR2020 - Assistência técnica RRN - Área 4)

Pesquisar projectos

Área plano de acção

Fonte de financiamento

MOTIVE - Modelos para a gestão adaptativa de florestas

Entidade líder do projeto: Forstliche Versuchs- Und Forschungsanstalt Baden-Wuerttemberg
Responsável pelo projeto: Alfons Bieling
Site do projeto: https://www.wsl.ch/lud/motive/
Parceiros:

Stichting Wageningen Research; Idgenoessische Forschungsanstalt Wsl; Eidgenoessische Technische Hochschule Zuerich; Kobenhavns Universitet; Universitaet Fuer Bodenkultur Wien; European Forest Institute; Albert-Ludwigs-Universitaet Freiburg; Instituto Superior de Agronomia; Institut National de la Recherche Agronomique; ITA-Suomen Yliopisto; Universitatea Stefan Cel Mare Din Suceava; Sveriges Lantbruksuniversitet; Forestry Commission Research Agency; Potsdam Institut Fuer Klimafolgenforschung; Centro De Investigacion Ecologica Yaplicaciones Forestales Consorcio; IFER - Ustav pro vyzkum lesnich ekosystemu, s.r.o.; University of Forestry; Foreco Technologies S.L; Pensoft Publishers

Data de início do projeto: 01-01-2009
Data de fim do projeto: 31-12-2013

Fonte de financiamento : 7th FRAMEWORK PROGRAMME
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

O aquecimento global previsto pelo IPCC e as mudanças nos regimes de precipitação são fonte de preocupação para os sistemas agro-florestais.  Neste projeto relata-se estado da arte nas projeções do modelo climático para a Europa, com uma perspetiva para o relatório de avaliação do 5º IPCC. No que diz respeito à gestão florestal, as anomalias climáticas projetadas podem exigir ações específicas para evitar perdas significativas no valor da madeira. No sul da Europa, a precipitação anual está a diminuir, e as temperaturas médias anuais a aumentar. Isso resultará em condições de crescimento muito mais secas e provavelmente terá efeitos severos nas florestas já com limitação de água.

Descritores: Alterações Climáticas; Floresta; Gestão


Objetivos visados:

O objetivo do MOTIVE é fornecer know-how, dados e ferramentas para melhorar a formulação de políticas e a gestão adaptativa de recursos florestais em face das condições climáticas em mudança.



Pontos de situação / Resultados:

O MOTIVE desenvolveu e avaliou estratégias que podem adaptar as práticas de gestão florestal para equilibrar múltiplos objetivos sob condições ambientais variáveis. A avaliação de diferentes sistemas de gestão adaptativa ocorreu dentro de uma análise de cenário e um quadro de paisagem regional. O consórcio desenvolveu um entendimento comum sobre o comportamento de todos os stakeholders, envolvidos na gestão florestal. Uma matriz de modelos (empíricos, bem como modelos híbridos e baseados em processos) foi usada na análise. Os modelos foram melhorados, por exemplo, em relação à simulação de perturbações sob um clima em mudança, e desenvolvidos para modelar regimes adaptativos de gestão florestal. O trabalho sobre estratégias de adaptação nas regiões de estudo produzir melhorias e novos desenvolvimentos. Por exemplo, um novo algoritmo de otimização foi integrado a um modelo complexo para florestas mediterrâneas e ajudou a adicionar aspetos económicos às simulações no estudo de caso da Catalunha.