Inovação para a Agricultura

Rede Rural Nacional - Página do FacebookRede Rural Nacional - Página do TwitterRede Rural Nacional - Página do InstagramRede Rural Nacional - Canal do Youtube
PT EN
  • S7
  • S8
  • S14
  • Inovação na Agricultura
  • S6
  • S12
  • S3
  • S11
  • S5
  • S2
  • S13

Projetos Alterações Climáticas - RIAAC-AGRI (PDR2020 - Assistência técnica RRN - Área 4)

Pesquisar projectos

Área plano de acção

Fonte de financiamento

SWATCH - Strategies for increasing the WATer use efficiency of semi-arid Mediterranean watersheds and agrosilvopastoral systems under climate CHange

Entidade líder do projeto: Dipartimento di Ingegneria civile, ambientale ed architettura, Università di Cagliari (UNICA)
Responsável pelo projeto: Nicola Montaldo - UNICA
Site do projeto: http://swatchprima.com/
Parceiros:

Ente Acque della Sardegna (ENAS); Agenzia forestale regionale per lo sviluppo del territorio e l’ambiente della Sardegna (FORESTAS); Ecole Nationale Supérieure d’Hydraulique (ENSH); Energy, Environment and Water Research Center, The Cyprus Institute (CyI); Irrigation and Hydraulics Dept., Faculty of Engineering, Ain Shams University (UNIAS); INRA Bordeaux Sciences Agro UMR 1391 (INRA); Ecole Nationale d’Ingénieurs de Tunis, University of Tunis El Manar (ENIT)


Fonte de financiamento : H 2020
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

O objetivo geral deste projeto é desenvolver e aplicar metodologias inovadoras para aumentar a eficiência sócio-ecológica do uso da água de ecossistemas geridos ao longo do bioma mediterrânicoo e tipos climáticos. Focando-se num conjunto diversificado de ecossistemas sazonalmente secos, abrangendo um grande gradiente de precipitação média anual (de 35 a 935 mm / ano) em todo o bioma mediterrâneo.


Objetivos visados:

Serão definidas estratégias inovadoras para a sustentabilidade da água na região do Mediterrâneo sob os cenários de alterações climáticas atuais e futuros, otimizando a infraestrutura de água (por exemplo, reservatórios, projeto de rede de poços) e usos da água (irrigação, sistemas de produção animal e atividades industriais). Serão definidas estratégias inovadoras para a sustentabilidade da água na região do Mediterrâneo sob os cenários de alterações climáticas atuais e futuros, otimizando a infraestrutura de água (por exemplo, reservatórios, projeto de rede de poços) e usos da água (irrigação, sistemas de produção animal e atividades industriais). 
As estratégias serão definidas com as partes interessadas e autoridades governamentais, que estarão ativamente envolvidas no projeto.


Sumário do plano de ação:

Para aprimorar as ferramentas técnicas preditivas de avaliação de recursos hídricos, será promovido o desenvolvimento de metodologias e técnicas inovadoras para melhor estimar a evapotranspiração, principal parâmetro do balanço hídrico em climas semi-áridos e áridos, propondo-se combinar o uso de covariância de turbilhonamento e observações de fluxo de seiva de árvore Além disso, ferramentas técnicas avançadas (sensores remotos) serão desenvolvidas para monitorizar as principais variáveis de estado que explicam o balanço de energia e água na superfície da terra e para incluir essas observações em sistemas de assimilação de dados, para prever os ciclos hidrológicos de bacias hidrográficas. 
A análise dos cenários de clima e uso do solo fornecerá os dados para a gestão e planeamento dos recursos hídricos para otimizar o uso das águas superficiais e subterrâneas. Por fim, será estabelecido um sistema transnacional de monitorização dos rios mediterrâneos para partilhar conhecimentos e dados.


Pontos de situação / Resultados:

-