Inovação para a Agricultura

pten
Rede Rural Nacional - Página do FacebookRede Rural Nacional - Página do TwitterRede Rural Nacional - Página do InstagramRede Rural Nacional - Canal do Youtube

 

                                        Rede Rural Nacional       PDR 2020       Portugal 2020       FEADR

S1.png
S2.png
S3.png
S5.png
S6.png
S7.png
S8.png
S9.png
S10.png
S11.png
S12.png
S13.png
S14.png
S16.png
previous arrow
next arrow

 Projetos de Bioeconomia

Pesquisar projectos

Valorcel - Desenvolvimento de sistemas poliméricos reforçados com fibras de celulose, valorizando a aplicação em produtos eco-sustentáveis

Entidade líder do projeto: The Navigator Company
Responsável pelo projeto: The Navigator Company
Site do projeto: http://valorcel.piep.pt/
Parceiros:

Instituto de Investigação da Floresta e Papel (RAIZ); Pólo de Inovação em Engenharia de Polímeros (PIEP)

Breve descrição:

As normas de certificação ambientais implementadas em determinados sectores industriais e a constante procura da performance aliada à sustentabilidade têm levado à introdução de materiais mais eco-sustentáveis em componentes plásticos, reduzindo o impacto ambiental. Assim, a substituição de componentes por equivalentes de compósitos de fibras de celulose torna-se uma alavanca para a competitividade quando baseada no custo e desempenho das matérias-primas.

Além de apresentarem propriedades estruturais interessantes, os compósitos de fibras de celulose possuem outras características que lhes conferem uma aplicabilidade multifacetada. Para o sector de produção de fibra de celulose, por exemplo, trata-se de criar novas oportunidades de gerar valor e de escoar produtos e sub-produtos, numa actividade estruturada no panorama industrial português.

O projecto Valorcel visou estudar a incorporação de fibra natural de eucalipto, proveniente de sub-produtos do processo de produção de pasta de papel, para o reforço de sistemas poliméricos, melhorando significativamente o seu desempenho mecânico e ambiental. 

No projecto Valorcel foi possível desenvolver biocompósitos de PP e PLA com 30% de celulose.