Inovação para a Agricultura

FacebookTwitterGoogle BookmarksRSS Feed
PT EN
  • S13
  • S14
  • S2
  • S7
  • S6
  • S8
  • S12
  • S5
  • S3
  • S11
  • Inovação na Agricultura

Projetos Alterações Climáticas - RIAAC-AGRI (PDR2020 - Assistência técnica RRN - Área 4)

Pesquisar projectos

Área plano de acção

Fonte de financiamento

Modelar a dinâmica de plantas invasoras em paisagens florestais em cenários de clima futuro, uso da terra, gestão florestal e distúrbios do fogo

Entidade líder do projeto: Research Centre in Biodiversity and Genetic Resources, Universidade do Porto
Responsável pelo projeto: Research Centre in Biodiversity and Genetic Resources, Universidade do Porto
Parceiros:

_


Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

Esta proposta de visa desenvolver uma estrutura de modelação dinâmica integrativa que melhora a compreensão das interações entre plantas invasoras e suas paisagens florestais. Este objetivo será alcançado através da aplicação de técnicas de modelação de última geração e cenários realistas de mudança ambiental para explicar e prever, sob uma abordagem espacialmente explícita, os padrões e dinâmicas dos invasores de plantas exóticas florestais mais problemáticas em diversas escalas na Península Ibérica. Isso permitirá antecipar futuras invasões e melhorar a prevenção e o controlo aos níveis de planeamento e gestão florestal.

Descritores: Floresta; paisagem; Gestão; Invasoras


Objetivos visados:

Os objetivos específicos podem ser expressos como quatro questões de investigação sequenciais:

(1) Que espécies de plantas exóticas são hoje mais invasivas nas áreas florestais ibéricas, e que fatores limitam a sua atual distribuição (e potenciais dinâmicas futuras) na Península?;

(2) Como é que essas essas espécies estão distribuídas pela paisagem em áreas de floresta invadida, e como é que se relacionam com condições de escala e heterogeneidade  paisagens e florestas?

(3) Quais são as principais mudanças estruturais (e funcionais) introduzidas por essas plantas invasoras em manchas florestais e paisagens, e como é que essas mudanças interferem na expansão dos invasores?:

(4) Como é que mudanças no clima, no uso da terra, na floresta a gestão e os distúrbios provocados por incêndios promovem a sua expansão para paisagens florestais não invadidas e, assim, como é que é possível evitar e gerir futuras invasões?



Pontos de situação / Resultados:

_