Inovação para a Agricultura

FacebookTwitterGoogle BookmarksRSS Feed
PT EN
  • S8
  • S14
  • S7
  • S12
  • S5
  • S3
  • S6
  • S11
  • Inovação na Agricultura
  • S2
  • S13

Projetos Alterações Climáticas - RIAAC-AGRI (PDR2020 - Assistência técnica RRN - Área 4)

Pesquisar projectos

Área plano de acção

Fonte de financiamento

FARYSD - Os Sistemas Agrícolas enquanto instrumento de suporte a políticas de conservação e gestão de paisagens agrícolas de elevado valor natural

Entidade líder do projeto: Instituto de Ciências, Tecnologias e Agroambiente da Universidade do Porto
Responsável pelo projeto: Ângela Cristina de Araújo Rodrigues Lomba
Site do projeto: https://cibio.up.pt/people/details/anbuchadas/projects/552
Parceiros:

SRUC, Scotland’s Rural College;  Thünen Institut / Johann Heinrich von Thünen Institut, Federal Research Institute for Rural Areas, Forestry and Fisheries – Institute of Biodiversity


Fonte de financiamento : FCT
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

As paisagens agrícolas de alto valor natural constituem sistemas sócio-ecológicos complexos, cujos sistemas subjacentes incluem habitats semi-naturais, agricultura tradicional de baixa intensidade e diversos mosaicos de uso da terra em pequena escala. Paisagens agrícolas extensivamente gerenciadas têm sido relacionadas a altos níveis de biodiversidade, embora os papéis individuais dos agricultores na manutenção e gestão de paisagens multifuncionais também tenham sido amplamente reconhecidos.

A importância das terras de elevado valor natural para a manutenção e resiliência do ambiente rural da União Europeia deriva dos seus elevados níveis de biodiversidade e prestação de serviços de aprovisionamento, regulação e ecossistema cultural. Devido ao impacto bem conhecido dos fatores políticos e socioeconómicos, essas terras estão sujeitas a mudanças resultantes da intensificação e do abandono das terras agrícolas, o que pode causar a perda de biodiversidade relevante. Assim, há uma necessidade premente de entender como os impulsionadores da mudança de políticas podem impactar o ativo natural, ou seja, os níveis de biodiversidade e os resultados dos serviços ecossistémicos em tais paisagens rurais, para que os instrumentos legais dentro dos pilares da Política Agrícola Comum (PAC) possam convergir para conservação e gestão ambiental.

Descritores: Paisagem; Biodiversidade


Objetivos visados:

Analisar os impactos das práticas agrícolas nos níveis de biodiversidade e na provisão de serviços de ecossistemas reportados em paisagens agrícolas de elevado valor natural (High Nature Value farmlands, indicador definido nos Programas de Desenvolvimento Rural estabelecidos na União Europeia para avaliar impactos de políticas ambientais na agro-biodiversidade). Mais especificamente, serão analisados casos-de-estudo, desenvolvidos em paisagens agrícolas de elevado valor natural, que se tenham focado na quantificação dos níveis de biodiversidade (riqueza específica, abundância) em distintos grupos taxonómicos, bem como na provisão de distintos serviços de ecossistemas (produção, regulação, culturais e suporte).



Pontos de situação / Resultados:

Em curso.