Inovação para a Agricultura

FacebookTwitterGoogle BookmarksRSS Feed
PT EN
  • S11
  • S13
  • S6
  • S14
  • S3
  • S12
  • Inovação na Agricultura
  • S8
  • S5
  • S2
  • S7

Projetos Alterações Climáticas - RIAAC-AGRI (PDR2020 - Assistência técnica RRN - Área 4)

Pesquisar projectos

Área plano de acção

Fonte de financiamento

Projecto PINEA - Modelação do crescimento e produção de pinhão de Pinus pinea sob alterações ambientais

Entidade líder do projeto: Centro de Estudos Florestais, Instituto Superior de Agronomia da Universidade de Lisboa
Responsável pelo projeto: Luis Fontes
Parceiros:

Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P.

Data de início do projeto: 01-01-2013
Data de fim do projeto: 31-12-2015

Fonte de financiamento : FCT
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

O Pinheiro Manso é uma espécie está bem adaptada às altas temperaturas e à seca característica dos climas mediterrâneos. O modelo de processo para esta espécie é uma ferramenta importante para prever os prováveis efeitos das mudanças climáticas na produtividade de Pinus pinea e para apoiar a tomada de decisões relacionadas com a seleção de áreas adequadas para o sua implementação.

Descritores: Pinheiro Manso; Alterações climáticas; Modelação; Floresta


Objetivos visados:

Os objetivos do projeto são:

(1) a calibração e validação de um modelo baseado em processos para Pinus pinea em Portugal. Isso permitirá estimar a produtividade das plantações de pinheiro-manso existentes no contexto das mudanças climáticas, considerando os diferentes cenários climáticos, e fornecerá uma ferramenta para apoiar a tomada de decisão em relação ao novo plantio;

(2) avaliação dos efeitos da rega e disponibilidade de nutrientes no crescimento de Pinus pinea e rendimento de frutos secos;

(3) melhorar as equações de modelagem empíricas existentes relacionadas ao crescimento e rendimento de nozes de Pinus pinea.



Pontos de situação / Resultados:

A disponibilidade de água durante o desenvolvimento da agulha é um fator importante para área especifica da agulha do pinheiro manso. Para estabelecer um ratio preciso entre a área da agulha e a matéria seca do pinheiro-manso e minimizar os erros dos processos de poda da folha para o nível do povoamento, mais estudos são necessários para outras regiões e condições ambientais.