Inovação para a Agricultura

pten
Rede Rural Nacional - Página do FacebookRede Rural Nacional - Página do TwitterRede Rural Nacional - Página do InstagramRede Rural Nacional - Canal do Youtube
  • S14
  • S13
  • S12
  • S5
  • S6
  • S8
  • S11
  • S7
  • S3
  • S2
  • Inovação na Agricultura

Rega de Precisão de Sobreiros em Modo de Produção Intensiva de Cortiça


Fonte de financiamento : PDR 2020
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

A produção mundial de cortiça tem vindo a diminuir em quantidade e qualidade com inerente impacto económico. Este facto deve-se à perda de vitalidade dos sobreiros (Quercus suber) ao longo das últimas décadas atribuída a más práticas de gestão, maior ocorrência de agentes bióticos nocivos, alterações climáticas, entre outros. A preservação do sobreiro e do ecossistema Montado é imprescindível para que possamos continuar a usufruir não só da cortiça produzida mas também de um património valioso para as populações da Bacia Mediterrânica. A rentabilidade da exploração de cortiça está diretamente relacionada não só com a quantidade produzida mas, também, com a sua qualidade.
A qualidade da cortiça, definida como a sua adequação tecnológica aos produtos a que se destina, constitui um fator determinante da rentabilidade de todo o sector económico ligado a esta matéria-prima sendo um dos objetivos principais dos produtores e industriais. Como referido, a produção mundial de cortiça tem vindo a diminuir, estimando-se atualmente uma produção de 220 mil toneladas de cortiça amadia, valor inferior em cerca de 40% ao da produção de1970. A amadia é considerada a cortiça rentável, sendo obtida a partir do terceiro descortiçamento em sobreiros com mais de 40 anos, e que eventualmente poderá ter a qualidade exigida para a produção de rolhas. Tem-se verificado não só uma redução na produção de cortiça, devido a fenómenos de mortalidade, mas também uma redução na qualidade da mesma, comprometendo a demanda de rolhas naturais no mercado global. Além disso, a redução, tanto na quantidade como na qualidade de cortiça poderá ter efeitos bastantes negativos na manutenção dos povoamentos por parte dos produtores, que eventualmente poderão optar por outras espécies florestais ou votar ao abandono as suas áreas.Pelas razões acima referidas, a possibilidade de se poder extrair cortiça precocemente, respeitando o perímetro estipulado por lei para a desbóia (primeiro descortiçamento - 70 cm a 1.30m de altura do fuste) e sem danos para a árvore, poderá melhorar a capacidade de resposta do mercado corticeiro às necessidades de procura do produto a médio prazo, favorecendo toda a fileira da cortiça, desde os produtores, transformadores e compradores, incluindo o meio rural e os trabalhadores, cuja economia está ligada a este sector.Considerando o acima exposto, o presente Grupo Operacional pretende, através da transferência, aperfeiçoamento e monitorização de um conceito de gestão silvícola recentemente desenvolvida, nomeadamente através da fertirrigação de novas áreas florestais de sobro, demonstrar uma oportunidade a todos os envolvidos diretamente no presente consórcio bem como aos demais stakeholders da fileira da cortiça, evidenciando e envolvendo diretamente todos os potenciais interessados na transferência/intercâmbio de conhecimentos técnico-científicos recentes no sentido de possibilitar e validar um novo conceito, já numa escala de adoção a nível dos produtores florestais, centrado na fertirrigação controlada de novas plantações florestais de sobro.

Descritores: Regadio; Montado; Cortiça; Sobreiro; Floresta


Objetivos visados:

Com esta iniciativa pretende-se:

(1) conhecer a possibilidade de antecipar aprodução de cortiça em novas plantações de sobreiros com fertirrega, de forma rentável,

(2) avaliar o efeito da fertirrega na formação, produção e qualidade da cortiça utilizando para isso plantações já existentes com sobreiros adultos ou em situação pré-desbóia e,

(3) proceder à transferência de conhecimento técnico científico gerado neste Grupo Operacional para a instalação de novos povoamentos de sobreiros com recurso à introdução da fertirrega.



Pontos de situação / Resultados:

Em curso.

EUROOT - Melhoramento da captação de recursos a partir de raízes sob stress em culturas de cereais


Fonte de financiamento : 7th FRAMEWORK PROGRAMME
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

O objetivo do EURoot é ajudar os agricultores a combater as alterações climáticas procurando satisfazer a crescente exigência social por uma agricultura sustentável com a redução do uso de água e fertilizantes. Neste projeto pretendeu-se aumentar a capacidade dos cereais para adquirir água e nutrientes através das suas raízes e manter o crescimento e desempenho sob condições de stress usando plataformas de fenotipagem e modelação.

Descritores: Milho; melhoramento genético


Objetivos visados:

Neste projeto realizaram-se um conjunto de atividades experimentais orientados para melhor entender e modelar:

(1)  As bases genéticas e funcionais das características da raiz envolvidas na exploração do solo e na absorção de recursos; 

(2) As propriedades biogeoquímicas do solo, incluindo a associação benéfica com fungos e micorrizas, influenciando a extração de nutrientes e água pelo sistema radicular e

(3) Os processos de sinalização de plantas envolvidos na deteção do ambiente do solo e responsáveis pela resposta adaptativa do sistema radicular, potencializando a exploração do solo e a aquisição de recursos.



Pontos de situação / Resultados:

(1) Os resultados demonstraram que o milho responde positivamente à colocação profunda de nutrientes desenvolvendo raízes na profundidade apropriada. Esse crescimento pode ajudar as plantas a resistirem à diminuição da água no solo, mantendo a sua produtividade.

(2) O ótimo desenvolvimento das raízes para a aquisição de fosforo é influenciado pelo pH do solo.

BacPlant - Rumo a uma agricultura sustentável, aumentando a tolerância das plantas ao stress biótico sob alterações climáticas


Fonte de financiamento : ERA NET
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

Hoje em dia, a agricultura está sujeita a  desafios sem precedentes. Além de melhorar o falta de alimentos para um colmatar a fome no mundo, a agricultura deve atender à nova procura da crescente população e competição por produtos agrícolas da produção de bioenergia. No entanto, prevê-se de que as alterações climáticas (AC) terão um grande impacto na produção agrícola em muitas partes do mundo. Para a Bacia do Mediterrâneo, uma das áreas potencialmente mais vulneráveis, prevemos um aumento das temperaturas médias anuais e um declínio na precipitação média anual. Além disso, a duração do período de seca será de 3 a 8 vezes mais frequente do que no presente. Temperaturas elevadas e déficit hídrico resultantes das AC podem influenciar consideravelmente o crescimento e desenvolvimento das plantas como sua suscetibilidade a patógeneos.

Nesta situação, a agricultura mediterrânica terá que se adaptar às AC. Como as plantas são cercadas por densas populações de agentes de biocontrole microbiano, o que potencialmente lhes permite lidar melhor com estresses bióticos e abióticos, é necessário valorizá-los. Atualmente, há um número crescente de resultados de estudos de campo e de laboratório, que confirmaram que a inoculação com agentes de biocontrole microbianos pode ter efeitos positivos sobre a saúde e o crescimento das plantas. Estes micróbios benéficos podem também aumentar a resistência das plantas a vários estresses ambientais, por exemplo, seca, salinidade e deficiência de nutrientes. Ao moderar o estresse, esses microrganismos benéficos abrem novos caminhos / possibilidades para a tecnologia avançada através de seu uso para inocular plantas ou para fornecer sementes revestidas com MBAs que sejam capazes de lidar com o estresse e, assim, aumentar a sustentabilidade dos sistemas de produção.

Descritores: Alterações Climáticas; agentes biológicos microbianos; doenças de plantas


Objetivos visados:

O projeto adotará uma estratégia ambientalmente sustentável para enfrentar os efeitos da seca e do calor, ao mesmo tempo que preserva ou até melhora o rendimento, a saúde e a qualidade das culturas. Além disso, o uso de agentes de biocontrole microbianos melhorará a qualidade do solo usando baixos consumos e mitigará as emissões de carbono em climas futuros.



Pontos de situação / Resultados:

Em curso.

EUCLID - Demonstração de IPM no espaço UE-CHINA


Fonte de financiamento : H 2020
Identificação do problema ou oportunidade que se propõe abordar:

Métodos mais sustentáveis de gestão de pragas são necessários para reduzir os efeitos negativos dos pesticidas na saúde humana e no meio ambiente. Métodos mais sustentáveis de gestão de pragas são necessários para reduzir os efeitos negativos dos pesticidas na saúde humana e no meio ambiente. A escolha das culturas de interesse na EUCLID, ou seja, tomates frescos, uvas de mesa e vinho e vegetais folhosos (alfaces, repolhos, etc.), baseia-se na sua importância económica para a produção de frutas e legumes europeia e chinesa, mas também como capacidade em representar diferentes sistemas de produção (campo + vegetais de estufa e perenes lenhosas). Isso significa que as soluções do projeto podem ser usadas como modelos para desenvolver ações similares para outras culturas.

O projecto está estruturado em 3 pacotes de trabalho de I & D (WP), um WP dedicado à demonstração em campo, um para divulgação e um WP dedicado à gestão de projectos. O projeto explorará o profundo conhecimento desenvolvido nos últimos anos em IPM para adaptar e otimizar as ferramentas e abordagens que não alcançaram o campo / mercado (ainda). Além disso, o consórcio trabalhará no desenvolvimento de soluções de alto potencial de gerenciamento de pragas de inovação. O consórcio foi selecionado para integrar no processo de pesquisa, desde o início, os principais usuários finais dos resultados do projeto: associações de agricultores, PMEs, economistas, especialistas em política. O consórcio também tem uma boa cobertura de especialistas europeus e chineses, a fim de aproveitar a experiência de cada região e adaptar mais eficientemente as soluções de gestão de pragas aos problemas específicos dos agricultores europeus e chineses.

Descritores: Pragas; tomate; Vinha


Objetivos visados:

O objetivo geral da EUCLID é contribuir para garantir a produção de alimentos para a crescente população mundial, desenvolvendo ao mesmo tempo abordagens sustentáveis de produção a serem utilizadas na agricultura europeia e chinesa.



Pontos de situação / Resultados:

Em curso.

Consultar a Agenda de eventos


Agenda
de Eventos

Consultar o Grupo de Trabalho Inovação


Grupo de 
Trabalho Inovação

Consultar a Folha Informativa RRN- Inovação


Folha Informativa
RRN- Inovação

Consultar a Bolsa de Iniciativas


Bolsa de Iniciativas

Centro de recursos


Centro de Recursos