Inovação para a Agricultura

FacebookTwitterGoogle BookmarksRSS Feed
PT EN
  • S12
  • S6
  • S7
  • S13
  • S2
  • S8
  • S3
  • S14
  • S11
  • S5
  • Inovação na Agricultura

 Projetos de Bioeconomia

Pesquisar projectos

Fonte de financiamento

ABACUS - Algas para biomassa aplicada à produção de compostos de valor acrescentado

Entidade líder do projeto: CEA - Comissariado para as Energias Alternativas e Energia Atómica, França
Responsável pelo projeto: CEA - Comissariado para as Energias Alternativas e Energia Atómica, França
Site do projeto: http://www.abacus-bbi.eu/
Parceiros:

A4F, S.A., Portugal; Associação Escocesa de Ciências Marinhas LBG, Reino Unido; Karl Sruher Institut fuer Technologie, Alemanha; Agencia Estatal Conselho Superior de Investigações Científicas, EspanhaAssociação Escocesa de Ciências Marinhas LBG, Reino Unido; Karl Sruher Institut fuer Technologie, Alemanha; Agencia Estatal Conselho Superior de Investigações Científicas, Espanha; Subitec GmbH, Alemanha; PROTEUS, França; Microphyt, França; Sensient Cosmetic Technologies, França

Breve descrição:

O ABACUS reúne 2 grandes indústrias, 3 PMEs e 4 organizações de investigação e tecnologia. Tem como objetivo o desenvolvimento tecnológico de uma nova biorrefinaria de algas orientada para o negócio, trazendo para o mercado ingredientes inovadores à base de algas para aplicações de tecnologia avançada, desde terpenos de algas para fragrâncias a terpenóides de cadeia longa (carotenóides) para nutraceuticos e ativos cosméticos.
Um dos principais objetivos do ABACUS é obter mais de 10% de fotossintatos de terpenóides-alvo. Para este propósito, a ABACUS seleciona e otimiza as estirpes de algas exclusivas de 4 grandes algotecas dos parceiros do projeto.
Além disso, o ABACUS foca-se na otimização das etapas de produção e masterização da produção de produtos-alvo por monitorização on-line e controle automatizado de fotobiorreatores, com o desenvolvimento de sensores específicos para terpenos e para os parâmetros relevantes para a produção de terpenos (luz, PO2, PCO2, nutrientes). A ABACUS investiga as etapas de fracionamento para fornecer processamento a jusante de baixo custo, com vistas a reduzir as despesas operacionais de toda a linha de produção. A análise do ciclo de vida e a análise técnico-económica são diretrizes fundamentais dos desenvolvimentos do ABACUS para garantir que tecnologias e produtos sejam económica e ambientalmente sustentáveis.
A aplicabilidade dos ingredientes-alvo é avaliada pelos parceiros industriais (PMEs e grandes indústrias com acesso estabelecido aos mercados), considerando aplicações cosméticas e nutraceuticas.
O ABACUS visa demonstrar processos de biorrefinação que permitem valorizar até 95% da biomassa de algas em ingredientes e subprodutos de alto valor. As normas da UE e as regulamentações de mercado associadas a bioprocessos inovadores e novos ingredientes são revistas a fim de demonstrar a aceitabilidade da biorrefinaria ABACUS.
A principal vantagem do ABACUS está no seu plano de trabalho orientado para os negócios, reunindo os key players de toda a cadeia de desenvolvimento de produtos e incorporando as tecnologias mais avançadas para um crescimento e fracionamento eficientes das microalgas.