Inovação para a Agricultura

FacebookTwitterGoogle BookmarksRSS Feed
PT EN
  • Inovação na Agricultura
  • S13
  • S2
  • S7
  • S6
  • S11
  • S14
  • S3
  • S8
  • S12
  • S5

 Projetos de Bioeconomia

Pesquisar projectos

Fonte de financiamento

ThermoCel - Desenvolvimentos de compósitos de base celulose

Entidade líder do projeto: CELTEJO - EMPRESA DE CELULOSE DO TEJO, S.A.
Responsável pelo projeto: CELTEJO - EMPRESA DE CELULOSE DO TEJO, S.A.
Parceiros:

_

Breve descrição:

A celulose é o polímero natural mais abundante na natureza e infelizmente ainda não é vista como uma grande fonte de matéria-prima. A tentativa de reverter esta situação ganhou mais peso ultimamente devido aos problemas ligados ao do uso indiscriminado de plásticos derivados de poliolefinas e da sua muito fraca biodegradabilidade. É neste contexto que se enquadra este projecto que visa valorizar uma matéria-prima de origem natural e renovável como a fibra de celulose.

Este projecto visa encontrar para a fibra de celulose um novo mercado conjugando-a com resinas de poliéster biodegradáveis, para criar um produto que possa ser transformado em embalagens contendo celulose como material de reforço. Para além da resina especificamente desenvolvida para se adaptar à celulose, o projecto prevê o desenvolvimento de compatibilizantes para permitir uma boa interacção fibra-resina e assim obter um compósito com características de reforço. Para além da prova de conceito, o projecto prevê testes em escala piloto e pré-industrial do material no fabrico de peças por termoformagem e injecção. A escolha de materiais de origem biológica como principais componentes da resina e compatibilizantes, para além de garantir a biodegradabilidade do produto evita que se coloquem problemas de espécies migrantes para o produto embalado. Este projecto contribuirá para a criação de valor acrescentado para uma matéria-prima nacional e terá impacto positivo na estratégia de valorização futura da celulose.

O consórcio reúne as diferentes valências necessárias para o sucesso do projecto: a Celtejo, tem uma experiência reconhecida na produção industrial de pasta de celulose; a UC, tem um vasto percurso ao nível da síntese e caracterização de materiais e tecnologias de polimerização; a UBI possui uma larga experiência no estudo da celulose na vertente de produção de pasta e na procura de novos elementos de inovação do produto.